Cuidados que você deve ter com os pets em épocas de muito calor

O verão está quase aí! E, nessa época de muito calor, os cuidados com os pets devem ser redobrados, afinal, as altas temperaturas e a variação na umidade do ar podem resultar em uma série de problemas para os animais de estimação. 

Mas, afinal, como protegê-los das altas temperaturas?

Não leve para passear em horários de muito sol 

Dar aquele passeio com seu pet ao 12h? Nada disso! Neste horário, o sol quente pode machucar as patinhas deles. Por isso, o ideal é que você programe para levá-lo no início da manhã ou no final da tarde, antes das 10h ou depois das 18h, porque as temperaturas já estão um pouco mais amenas nesses horários. 

Outra dica importante é levar um pouco de água para o pet tomar e também para borrifar no seu dorso e nas patinhas caso ele fique muito ofegante. Se ainda assim ele continuar muito cansado, interrompa o passeio e leve-o para casa. 

Não exagere na frequência dos banhos

As necessidades de higiene dos pets são diferentes das nossas, por isso, não devemos dar banhos com uma frequência muito alta. A recomendação para animais de pêlos longos ou curtos é a cada 15 dias, mesmo durante o calor. Lembrando que os primeiros banhos dos filhotes devem ser feitos em casa — em pet shop, somente depois que receber todas as vacinas.

Os banhos de piscina devem ser evitados, porque os produtos químicos podem causar dermatite na pele do cachorro. Os banhos de mangueira, no entanto, são uma boa opção, desde que se tire o excesso de água do pêlo depois. 

Cuidado com as tosas excessivas

Com a tosa também são necessários cuidados, afinal, o pêlo do animal tem uma finalidade importante para a regulação da temperatura corporal, proteção da pele e até para o reconhecimento e a reprodução da espécie.

Aquela tosa higiênica, feita na barriga, patas e regiões íntimas, é uma ótima opção para refrescar os cães. Uma alternativa possível também é a tosa completa, mas com lâminas mais baixas. Assim, os pets podem se sentir mais confortáveis durante a estação. 

Mantenha os pets hidratados 

É essencial que o bichinho esteja hidratado, principalmente durante o calor. Espalhar alguns potes de água pela casa pode ser uma boa alternativa! Mas atenção com a temperatura da bebida: ela deve estar fresca, mas não muito gelada, porque isso pode causar problemas na garganta do seu pet. 

Encher uma garrafa de água, congelar e depois retirar do plástico é uma opção legal para os cachorros. Além da brincadeira, eles também podem se hidratar. Para os gatos, troque a água com uma frequência alta, afinal, eles não gostam do líquido parado. 

No entanto, apenas a água não é suficiente para a hidratação do seu bichinho, pois eles acabam não ingerindo toda a quantidade necessária do líquido para se manterem hidratados. Neste sentido, a alimentação úmida consegue trazer esse equilíbrio ideal.

Mas como hidratar os bichinhos por meio da alimentação?

As receitas naturais são uma boa alternativa, porque ajudam neste processo da hidratação. Introduzir alimentos úmidos, como as da Pet Delícia, são excelentes para a saúde dos cães e gatos, pois possuem 75% de umidade na sua composição que é ideal para hidratação dos bichinhos. Oferecer pedaços de frutas como maçã ou banana também podem ser uma maneira de diversificar a alimentação e ajudar para que eles fiquem hidratados. 

Além da questão da saúde, durante essa época de muitas viagens, nossas latinhas são boas aliadas por serem extremamente práticas, o que é um grande facilitador. É possível levá-las nas porções corretas se o bichinho acompanhar a família em uma viagem, ou então se for necessário deixá-lo em uma hospedagem para pets. 

Agora, é só aproveitar o verão!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *